Traduzir

quinta-feira, 11 de outubro de 2012

The Hunger Games



Eu me apaixonei pelos livros, o estranho é que sempre gosto mais dos livros que tenham um romance enorme, cenas desse tipo me conquistam, mas The Hunger Games não é um livro romântico, existem algumas cenas assim, mas nada gritante e nada muito meloso, e mesmo assim eu adorei.
Adoro a personalidade da Katniss, garota forte que sabe o que quer, que sempre toma as rédeas da situação, sempre encontra alguma forma de resolver tudo, e nunca deixa de pensar em sua família, mais especificamente em sua irmã mais nova.
Posso dizer que é um dos meus livros favoritos, eu gosto da ação, do medo, da sensação de não saber o que irá acontecer, é fantástico.
Acho que vocês já devem conhecer um pouco sobre a história, não é? O mundo está dividido em 12 distritos, Katniss mora no distrito 12 e se voluntaria para ir pras arenas para salvar sua irmã menor. Nessa arena serão colocadas 24 pessoas para matarem uns aos outros, o último a ficar vivo vence, é uma forma de controlar as pessoas, dizer quem está no controle, e é algum tipo de jogo pra divertir as pessoas ricas...
Uma das coisas que me irritou sobre o filme é que achei ele muito artificial, tudo muito por cima, como no caso do Peeta, o garoto do pão, no livro eles abordam tanto esse assunto, explicam toda a cena do pão, e no filme essa parte passa bem abatida.
Algumas pessoas acham que existe um triangulo amoroso na história, mas eu não acho, pois pra mim Katniss não está interessada em ninguém, ela tem muitas coisas pra se preocupar. Desde o primeiro livro eu sabia com quem ela iria ficar, e mesmo não concordando e nem gostando, eu aceitei o final, só não achei que foi justo o final que a escritora deu pro outro garoto, o que não termina com Katniss (claro que não direi quem é). Acho que ele merecia algo melhor do que o que foi lhe dado, eu gostava tanto dele e o que aconteceu não batia com a sua personalidade e dignidade, nada legal!
Foi um livro que me fez chorar, me deixou completamente desolada, pois não é o que imaginamos, as coisas não ficam felizes para sempre.
Apesar de tudo, é um livro que recomendo de olhos fechados, pois até eu que sou uma alucinada por romances bem românticos, fiquei perdidamente apaixonada por The Hunger Games, que não se enquadra nesse estilo.
 Ah, Katniss a garota em chamas, será pra sempre uma de minhas personagens favoritas... 

2 comentários:

  1. eu nao senti nada por esses livros, nem cheguei a comprar pq nem quero '-'

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. quando vi a sinopse não achei nada demais, comecei a ler atoa, por falta do que fazer mesmo, mas então adorei o livro. Um dos meus favoritos...
      Beijinhos :)

      Eliminar

Adoraria saber o que você está achando do blog, e da postagem...