Traduzir

quarta-feira, 24 de julho de 2013

Cereais Assassinos


O garotinho da foto se chama Eduardo, meu filho de cinco anos de idade. Ele é um menino muito peralta, como todas as crianças de cinco anos, mas também é muito carinhoso e romântico, sim, ele adora o filme de Romeu e Julieta gravado em 1996. Mas não é somente dos filmes de romance que ele gosta, os de fantasia e aventura estão em sua lista de favoritos. Já perdi a conta de quantas vezes assisti Star Wars com ele. O garoto adora tanto a série que esses dias quando o vi brincando com seus ursinhos de pelúcia, ele estava cantarolando a música que toca quando Darth Vader aparece. Perguntei o motivo pra estar cantarolando aquela música enquanto fazia um ursinho andar e ele respondeu que o urso era muito mal e merecia uma música daquelas. Kkkkkk
Crianças aprontam pra caramba, certo? Sim, elas aprontam de todas as formas, conseguem fazer coisas simples e aparentemente inofensivas, se tornarem armas mortais. Pode crer, criança consegue fazer essas coisas, elas tiram perigo de onde não existe, é uma coisa impressionante.
Eu sou uma mãe muito preocupada, muito preocupada mesmo, fico sempre perto de Eduardo, estou sempre chamando por ele quando se afasta de mim, mesmo dentro de casa. Meu irmão mais novo até tira sarro disso, ver ele me imitando quando grito o nome de Eduardo é realmente engraçado, eu passo mal de ver a imitação. Mas é verdade, posso ser exagerada algumas vezes, mas sou assim, a gente cuida de quem a gente ama, ué.
Pois bem, mesmo com todas minhas precauções, todos meus cuidados e todas as advertências, as crianças se machucam, é inevitável.  Criança cai, machuca, corta, arranha, fica com hematomas roxos e verdes nos joelhos, faz parte de ter cinco anos de idade e algumas vezes mais de trinta também. Eu tenho quase vinte e três e nunca fiquei com a perna lisinha sem manchas, sempre tenho alguns roxos por aqui e outros por ali, a genética manda lembranças pra minha mãe.
Nunca deixei Eduardo brincar com canetas, lápis ou coisas pontudas quando ele era pequeno, ele sempre usava giz de cera ou aquelas canetinhas enormes, ele nunca se machucou feio, nunca ficou doente, apenas ficou gripado alguma poucas vezes que consigo contar nos dedos. Acho que a única coisa que aconteceu com ele foi pegar catapora, mas isso ninguém teve culpa, somente meu irmão mais novo, que estava de passagem em minha casa e resolveu pegar catapora aos dezoitos anos e então passar para o sobrinho. Kkkkk
Bem, chega de tanta falação, o nome do post é Cereais Assassinos, pois uma caixa de cereais parece algo inofensivo, algo bobo, uma pequena caixa de papelão, mas saibam que essa simples caixa de papelão quase deixou Eduardo cego. Tudo bem, estou exagerando um pouco, não foi tão grave assim, mas poderia ter sido. A ponta da caixa bateu no olho esquerdo de Dudu e fez com que sua córnea descolasse. Ah, eu entrei em pânico quando soube, pois não conseguimos ver isso a olho nu, tudo que podíamos ver era um olho vermelho e lagrimejante, tirando o fato que Eduardo gritava tão alto que a vizinhança inteira deve ter escutado.
A boa noticia é que esse fato, apesar de ser apavorante, não é tão grave quanto parece, a córnea se cola novamente sozinha e em pouco tempo, coisa de vinte e quatro horas. Tudo que precisei fazer foi usar um colírio durante três dias. Hoje é o terceiro dia e o olho de Eduardo está praticamente normal. Foi um alivio.
Não sei ao certo o motivo por ter escrito esse post, talvez por ser algo que me apavorou até os ossos ou talvez por querer compartilhar algo com vocês, como o blog serve não somente para resenhas e coisas interessantes, como também para fatos pessoais. Enfim, só senti vontade de escrever, acho que me ajuda a extravasar. Kkkk

Mas não deixa de ser uma boa dica, coisas simples podem causar danos permanentes, criança faz coisas bobas se tornarem perigosas, fique de olhos abertos com a sua. 

PS- Essas coisas nas caixas de cereais eram pra ficar parecidas com monstros, mas ficaram assim, é o que tem pra hoje. :)


8 comentários:

  1. Camila, primeiro tenho que comentar: seu filho é muito lindinho!! Que gracinha ele, amei o cabelinho e a roupinha (eu adoro reparar roupa de criança, é uma fofura. Na verdade, eu adoro criança.)

    Agora, que susto você deve ter tomado, hein! Fiquei com nervoso, quando li. Coitadinho, deve ter sido angustiante vê-lo gritar tanto. E imagino o susto ao você saber que a córnea descolou!
    Ainda bem que o negócio é relativamente simples (eu pensava que isso fosse mais complicado e grave) e ele já está melhor!
    É brabo, criança se acidenta, por mais que seja sempre vigiada e protegida. Como você disse, uma simples coisa pode ser perigosa, não há como evitar 100%.

    Agora imagino que o olho dele já esteja normal, né?

    Beijo pra você e pra esse menino lindo!

    Isabela

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Isa!
      Obrigada, ele é lindo mesmo. kkkkkk
      O cabelo dele estava bem maior, mas o pai dele e eu cortamos, pois estava indo no olho e fiquei com medo de machucar. Cortamos em casa mesmo. kkkkk
      E a roupinha é de ficar em casa, a meia está até suja, pois ele fica correndo de meia. kkkkk
      Foi um susto sim, Isa, mas ainda bem que foi só isso, um susto. Quando a gente escuta esse nome "descolamento de córnea" já pensa que é algo bem grave, né? Eu já pensei que o menino ia ficar cego, mas ainda bem que não é tão grave assim.
      O olho está normal sim, pode ver na foto que o olho esquerdo parece só um pouquinho menor que o direito, mas já está está normal.
      Obrigada pelo carinho!

      Um beijo :)

      Eliminar
  2. Oi, Camila.

    Graças a Deus que não aconteceu nada de mais com o Dudu e que ele já se recuperou completamente. Pois é, coisinhas aparentemente inofensivas podem se tornar muito perigosas para as crianças. Foi uma boa dica. Todo cuidado é pouco.

    Beijos,

    Isie Fernandes - de Dai para Isie

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Isie.

      Obrigada pelo carinho. ainda bem que tudo está bem sim. :)
      Todo cuidado é pouco com crianças mesmo.

      Um beijo :)

      Eliminar
  3. Ah Camila, imagino o quanto ficou preocupada.
    Igual você falou coisas bobas e até que parecem inofensivas podem causar danos mais graves..
    Que bom que no fim deu tudo certo. O olho é tão delicado.


    beijos
    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Leticia, agora está tudo bem. :)

      Um beijo :)

      Eliminar
  4. GRAÇAS A DEUS ELE ESTÁ BEM!!
    VOVÓ RENATINHA

    ResponderEliminar

Adoraria saber o que você está achando do blog, e da postagem...